Esclareça as principais dúvidas sobre Pilates

Mulher grávida fazendo Pilates no equipamento Reformer acompanhada de instrutora

O Pilates se popularizou bastante nos últimos anos, e desde então muitas dúvidas surgiram acerca das indicações, benefícios e potencialidades do método. Pensando nisso, reunimos aqui neste artigo as respostas para algumas das principais dúvidas sobre Pilates, para te ajudar a conhecer e entender um pouco mais sobre o método.

Pilates é indicado para condicionamento físico?

Uma das dúvidas sobre Pilates está relacionada à busca por condicionamento físico. E, sim, o Pilates é uma excelente alternativa para quem busca também uma forma alternativa de condicionamento físico. Inclusive, este foi um dos objetivos buscado por Joseph Pilates ao criar o método. Tanto o condicionamento quanto a reabilitação, o bem estar e a performance artística eram alguns dos inúmeros objetivos do método na época de seu surgimento.

O Pilates possibilita a criação de rotinas de treinos individuais baseadas nos objetivos e necessidades de cada aluno. Ou seja, se a sua meta é ganhar condicionamento físico, o seu instrutor montará uma sequência de movimentos focados nisso. E, como valor agregado, você desfrutará de todos os demais benefícios proporcionados pelo Pilates.

Mais uma das dúvidas sobre Pilates é se o método dá mesmo resultado

Muitas pessoas ainda questionam a eficiência do Pilates, mas os resultados positivos proporcionados pelo método são comprovados cientificamente. Desde que o método foi criado, uma série de pesquisas foram iniciadas visando à comprovação de seus efeitos.

Inclusive, muitos dos benefícios do método foram descobertos por meio desses estudos. Ao analisar grupos de pessoas com problemas específicos, os pesquisadores conseguiram identificar o quanto o Pilates conseguia promover melhorias na saúde e qualidade de vida. Portanto, sim, o Pilates dá resultado mesmo.

Alunos de Pilates utilizando o equipamento Reformer

Principais dúvidas sobre Pilates / Arquivo PhysioPilates

Agora, claro, para alcançar os seus objetivos é necessário adotar algumas medidas. Primeiramente, você precisa buscar um profissional qualificado. Depois, é fundamental que você tenha disciplina em seus treinos e siga as orientações desse profissional.

Outro ponto importante, você deve realizar as suas aulas sempre concentrado e focado nos movimentos. Por fim, manter a regularidade dos treinos é crucial. Não adianta se matricular e não frequentar ou faltar muitas aulas. O Pilates exige constância, e muitos movimentos são executados após um processo de progressão.

Assim, se você quer resultados, ouça seu instrutor e as orientações que ele te passar. Se você adota esses cuidados, o resultado esperado será meramente consequência de seu esforço e dedicação.

Aula de Pilates emagrece?

Essa é uma das principais dúvidas sobre Pilates muito comum. Antes de tudo é importante esclarecer que o emagrecimento resulta de uma equação ligada ao déficit calórico. Ou seja, você vai emagrecer se você ingerir menos calorias do que gasta nas atividades diárias.

Claro que isso em uma circunstância em que o indivíduo não tem nenhum problema de saúde específico que cause o aumento de peso, por exemplo, problemas hormonais. Então, se você gasta mais calorias do que ingere, automaticamente vai emagrecer.

Nesse sentido, o Pilates sozinho não emagrece. Da mesma forma que nenhuma outra atividade física sozinha vai causar emagrecimento, se não estiver associada a uma alimentação saudável. Mas o Pilates pode sim contribuir com seu emagrecimento.

Instrutora auxiliando aluna jovem de Pilates no equipamento STEP CHAIR

Esclareça as principais dúvidas sobre Pilates / Arquivo PhysioPilates

Se sua alimentação é balanceada e você busca uma atividade para aumentar a sua queima calórica, pode procurar o Pilates. Basta que você converse com seu instrutor sobre suas intenções, para que ele crie uma sequência de movimentos com foco nesse objetivo.

Portanto, a resposta é que o Pilates pode te ajudar a emagrecer, desde que você conjugue outros fatores, como a adoção de bons hábitos alimentares.

Grávida pode fazer Pilates? Essa é uma das principais dúvidas sobre Pilates

Sim, mulheres gestantes podem e devem fazer Pilates. Contudo, a prática de qualquer atividade física nessa fase prescinde da liberação do médico que acompanha a mulher grávida. Normalmente os médicos liberam a prática de exercícios nos casos em que existe uma gravidez de baixo risco. Porém essa decisão cabe ao profissional de saúde que acompanha a gestante.

O Pilates oferece inúmeros benefícios à gestante, mas é importante que o acompanhamento seja feito por um profissional que tenha formação para lidar com esse público. Por sua vez, o profissional precisa observar o quadro geral da gestante e criar rotinas de treinos adequadas a sua situação e sua fase de gestação.

Existem exercícios específicos para cada fase da gravidez, e a prática do Pilates pode seguir até quando a mulher se sentir confortável. Isso, claro, desde que se trate de uma gravidez sem riscos. Para conhecer os benefícios, as contraindicações e demais detalhes sobre a prática de Pilates por mulheres gestantes, basta clicar nesse link.

Pilates é indicado para pacientes em processo de reabilitação?

Sim, o Pilates é super indicado para acelerar a recuperação de pacientes em processo de reabilitação. Inclusive, esse foi um dos motivos que levou à criação do método, por Joseph Pilates. Reabilitar significa recuperar ou reduzir incapacidades advindas de doenças ou enfermidades diversas.

Dessa forma, pessoas com limitação de movimento, deficiência, doenças neurológicas ou com lesões causadas por acidentes, por exemplo, podem usufruir dos diversos benefícios proporcionados pelo Pilates. Por meio da reabilitação, esses pacientes podem recuperar a independência e autonomia, melhorando significativamente a qualidade de vida.

No entanto, apenas o profissional com habilitação para atuar com reabilitação e, simultaneamente, curso específico de Pilates pode utilizar as técnicas do método para reabilitar seus alunos.

, , , , , , , , , , , ,
Post anterior
Como divulgar um estúdio de Pilates? Saiba tudo aqui
Próximo post
5 motivos para fazer Pilates

Mais Posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu

Pin It on Pinterest

Share This