Pilates Clássico ou Contemporâneo

Pilates “Contemporâneo” ou “Clássico”

Pilates tornou-se famoso no Brasil e no mundo, e seu mercado segue em franca ascensão.

Esta força comercial torna-se uma grande oportunidade e cria a urgência de popularizar o acesso ao método. Juntando-se isso ao momento de explosão da comunicação mundial através das mídias sociais e o frequente uso abusivo das mesmas, acontecem deturpações de informações importantes, que demandam maiores esclarecimentos sobre o método.

A busca de diferenciação neste mercado de Pilates ansioso e confuso, estimula tentativas frequentes de polêmicas nas mídias sociais, com julgamentos sectários frágeis e pouco embasados, sobre a atuação profissional no Método Pilates, que tentam depreciar linhas de trabalho sérias e consistentes.

Independentemente de algumas postagens possuírem nobres razões ou serem apenas um oportunismo, percebe-se ausência de conhecimentos importantes sobre a história e a contemporaneidade do Método Pilates no Brasil e no mundo, os discípulos diretos do mestre Pilates (os Elders) e suas diferentes linhas e escolas.

Os Elders e a disseminação do Pilates Clássico

Há alguns anos atrás, uma parte do mercado profissional de Pilates fez uma tentativa de diferenciação do trabalho de uma das Elders, ou seja, uma das discípulas diretas de Joseph Pilates, a Romana Kryzanowska. Surgiram então as nomenclaturas “Authentic Pilates”, “True Pilates” utilizada por alguns de seus pupilos, ou “Classical Pilates” por outros, para o que na verdade se refere à metodologia do método Pilates que foi transmitida por Romana. Tudo que não veio de Romana, passou posteriormente então a ser chamado de “Pilates Contemporâneo”.

Assim como Romana, existiram outros Elders, aqueles que estudaram diretamente com Joseph e Clara Pilates, e alguns deles foram inclusive autorizados pelo casal Pilates, ainda enquanto estavam vivos, a darem aulas do método que o próprio Joseph na verdade denominava de Contrologia. Vários Elders fundaram suas próprias escolas de formação de professores de Pilates, seguindo os ensinamentos de Joseph e Clara. Enquanto Joe (como ele era chamado carinhosamente por amigos e alunos) ainda estava vivo, dois de seus alunos, Carola Trier e Bob Seed, abriram seus próprios estúdios. Depois morte de Joe, foi a vez de Ron Fletcher abrir seu estúdio com as bênçãos de Clara Pilates, registradas numa carta carinhosa que ela lhe enviou.

Outros Elders também deram continuidade aos ensinamentos do método de Joe Pilates como Eve Gentry, Robert Fitzgerald, Dolores Cori, Bruce King, Kathy Grant, Lolita San Miguel, Mary Bowen, Jerome Andrews e Jay Grimes.

Entendo que o período clássico do Pilates foi vivido por todos os que estudaram direta e pessoalmente com Joe e Clara. Seriam assim clássicos todos estes Elders, cada um com sua compreensão pessoal dos ensinamentos do casal Pilates e com seus registros particulares.

Considero um equívoco de nomenclatura chamar de “Pilates Clássico” a linha de trabalho de apenas uma dos Elders, além de uma desconsideração com o importante trabalho de todos os outros mestres que dedicaram suas vidas a disseminar e manter vivo o legado e o sonho de Joseph e Clara Pilates.

Precisamos estar atentos ao fato de que o mercado vai gerando suas culturas, criando realidades de acordo com interesses ou demandas comerciais ou ideológicas, e com o poder que possui de disseminação através das suas mídias, consegue cristalizar verdades muitas vezes sem uma fundamentação sólida.

EXEMPLIFICO:

A Physio Pilates lançou recentemente uma linha de equipamentos que o mercado brasileiro hoje chama de “Clássicos”. Nesse longo e intenso processo de pesquisa que inclui o trabalho da Balanced Body nos EUA, contamos com a consultoria de discípulos internacionais de Romana, além de outros que fazem parte das nossas referências nacionais nessa linha de trabalho, como Adriana Trotta e Aline Haas. Foi muito surpreendente descobrir que são inúmeras as variantes de medidas e recursos tecnológicos essenciais dos equipamentos, que são solicitados e utilizados pelos profissionais que seguem a linha da mestra Kryzanowska. Além disso, diversos deles depuseram sobre a muitas modificações que a própria Romana fez ao projeto original dos equipamentos criados por Joseph Pilates.

Adaptações: “Pilates Clássico ou Contemporâneo?”

Você sabia que a prancha de salto é uma criação da Romana? Joe não criou este acessório. E sabia também que para adaptar essa prancha ao Reformer, ela modificou o projeto deste equipamento? Além disso o fabricante, com quem Romana trabalhou em parceria exclusiva, modificou as dimensões da High Chair e do Universal Reformer, com a aprovação de Romana, para que estes equipamentos pudessem ser utilizados por pessoas mais altas. Compreendendo que a população norte americana cresceu cerca de 20 cm entre a década de 60 e o início dos anos 2000, nossa grande mestra aprovou em vida alterações nos equipamentos que se adequassem à nova estatura média da população.

É preciso reconhecer e agradecer a lucidez de Romana. Percebendo que o mundo caminhou e que tudo evolui, ela criou modificações importantes e necessárias para acompanhar essas mudanças e assim manter vivo e acessível o trabalho de Joe Pilates, para todos os seres humanos.

E assim fizeram, como ela e o próprio Joseph Pilates, todos os outros Elders, evoluindo e adaptando o método e os equipamentos às necessidades de seus clientes para poderem servi-los melhor, com segurança e qualidade.

Justificar que o Pilates de Romana é o único “Clássico/Autêntico/Verdadeiro”, porque ela manteve o método e os equipamentos exatamente como os conheceu com Joe Pilates, é desconhecimento de uma parte importante de sua trajetória, além de uma injustiça com a capacidade criativa e a genialidade da própria Romana e com todos os mestres que, como ela, estudaram diretamente com mestre Pilates e posteriormente desenvolveram suas próprias escolas, com suas incríveis interpretações do que aprenderam com ele.

Surgimento da PMA nos EUA

O surgimento da PMA (Pilates Method Alliance) nos EUA, há mais de 15 anos atrás, pôs um fim a uma disputa entre os grandes mestres de Pilates e uniu uma categoria que vinha de um passado de conflitos pelo direito de ser o único, ou o verdadeiro herdeiro de Joe Pilates. A PMA vem construindo referências importantes para o mercado mundial de Pilates, uma vez que reuniu estes Elders ainda vivos na época e outros mestres de segunda e terceira gerações.

Retroceder nesse processo, é perder tempo e energia com coisas que pouco constroem ou preservam a qualidade do trabalho do casal Pilates.

Mercado de Pilates no Brasil

No Brasil ainda faltam referências claras para os que estão chegando no mercado de Pilates, e que desejam fazer o melhor. Sem referências fica muito difícil para esses novos profissionais avaliarem e fazerem assim as melhores escolhas na direção de se instrumentarem para realizarem um trabalho consistente.

Para produzir algo de qualidade neste campo de ensino de movimento consciente, é necessário saber como e onde buscar essa qualidade, para poder aplicar então uma vez só, os parcos recursos de quem inicia uma profissão, na realização de uma formação extensa e consistente ou aquisição de equipamentos seguros, funcionais e duradouros. Depois seguir investindo constantemente em educação continuada, além de tecnologia de informação de ponta.

Algumas escolas e profissionais que oferecem cursos de formação de professores de Pilates, pouco investiram e investem nos produtos e serviços que vendem. Elas se utilizam de recursos inteligentes de divulgação através mídias potentes para venderem rápido e muito, algumas se promovendo também através da depreciação do trabalho de outros profissionais e da criação de polêmicas pouco construtivas nas mídias sociais. Muitos profissionais desinformados investem de novo e de novo em cursos rápidos e em equipamentos que começam a falhar com um ano de uso. Gastam seus recursos em eventos de final de semana, sem antes terem concluído uma formação completa, com base abrangente e sólida.

ESTE MERCADO DE ATACADO DE BAIXA QUALIDADE EM PILATES É PREOCUPANTE E PÕE EM RISCO A COMUNIDADE PRATICANTE, A LONGEVIDADE DA PROFISSÃO E O LEGADO DE JOSEPH E CLARA PILATES.

Nós, membros da comunidade profissional de Pilates, devemos focar nossa energia em trabalhar para servir melhor e servir com qualidade.

Precisamos unir a classe profissional em vez de separar! Precisamos ampliar e aprofundar as discussões e criar referências que orientem os que desejam praticar ou se profissionalizar em Pilates.

Buscando investir seu tempo e sua energia no que é realmente importante, os profissionais mais antigos e respeitados em Pilates no Brasil, provenientes de escolas internacionalmente reconhecidas e inclusive concorrentes no mercado, afinados com este pensamento, se organizaram e fundaram o Conselho Nacional de Normas-Padrão do Método Pilates – CNPP. Nessa associação, todos somos bem-vindos, de qualquer que seja a linha ou escola de Pilates, e o propósito é o de construirmos juntos referências de qualidade e consistência para os profissionais do Pilates.

Deixo aqui então esse convite aos colegas do Brasil inteiro, para que caminhemos positivamente para frente, unidos pela qualidade do Pilates! Vamos cuidar do que cuida de nós, com nosso foco não em terminologias frágeis, separatistas e pouco construtivas, mas sim na propagação de uma cultura que preserve a essência do passado e o sonho de nossos mestres, e construa o futuro promissor e sólido que o Método Pilates merece!

Texto original da Revista +Q Pilates!

, , , ,
Post anterior
Acessórios indispensáveis no ambiente do Pilates
Próximo post
Escolhendo o estúdio para fazer aulas de Pilates

Posts Relacionados

Pilates e danca no Brasil

O Pilates e a Dança no Brasil

Muitos conhecem a história de Joseph Pilates, criador do Método Pilates, e de como o seu trabalho de Contrologia começou quando foi exilado no período da I Guerra e trabalhou num hospital com outros exilados e mutilados. Foi neste momento em que o famoso Joseph Pilates iniciou o uso de molas no tratamento médico, o que seria a base para mais tarde o ajudar no desenvolvimento de um sistema de exercícios e equipamentos.

Ler Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu