Pilates para Bailarinos

Pilates e dança: conheça os benefícios dessa combinação

Por trás dos movimentos que encantam plateias, existe um enorme sacrifício físico por quem lida profissionalmente com a dança. Muitas dessas dificuldades também são compartilhadas por quem faz da modalidade seu hobby particular.

Executar movimentos leves, limpos, elegantes e bem definidos requer um grande conhecimento sobre o próprio corpo, que pode ser potencializado com a prática adicional do Pilates.

O vínculo entre a dança e o método é celebrado desde a criação deste último, e segue firme até hoje, com bailarinos das mais diversas idades utilizando os exercícios elaborados por Joseph Pilates para ampliar sua resistência, força muscular, flexibilidade, bom alinhamento, coordenação, precisão e fluência de movimentos.

Pilates e danca no Brasil

O Pilates e a Dança no Brasil

Muitos conhecem a história de Joseph Pilates, criador do Método Pilates, e de como o seu trabalho de Contrologia começou quando foi exilado no período da I Guerra e trabalhou num hospital com outros exilados e mutilados. Foi neste momento em que o famoso Joseph Pilates iniciou o uso de molas no tratamento médico, o que seria a base para mais tarde o ajudar no desenvolvimento de um sistema de exercícios e equipamentos.

Ballet e Pilates

Veja como o Pilates ajuda na formação do corpo do bailarino

Controlar o centro do corpo é a chave para evitar lesões e utilizar a potencialidade máxima do corpo do bailarino. Joseph Hubertus Pilates nasceu na Alemanha em 1880 e, quando criança, sofria raquitismo, febre reumática e asma o que o levou a praticar exercícios físicos. Praticou técnicas orientais e ocidentais de movimento, incluindo a ioga.…
Menu

Pin It on Pinterest