Pilates: Aulas dinâmicas em um circuito

Quando entramos em um estúdio de Pilates aqui no Brasil, na sua grande maioria, encontramos quatro equipamentos principais: Reformer, Cadillac (Trapézio), Chair e Ladder Barrel.

Estes são os mais conhecidos, apesar de encontrarmos outros aparelhos e/ou acessórios que foram desenvolvidos por Joseph Pilates, além das inovações de alguns pensadores do movimento da atualidade, que podem muito contribuir como ferramentas para explorar e potencializar o mundo do movimento humano.

Com esses quatro equipamentos, podemos atender um grupo de pessoas e ainda desenvolver um trabalho de qualidade, desde que se adquira o hábito de planejamento dessas aulas. Treinar e saber o timing dos exercícios e do desenrolar da aula é outro fator fundamental! Professor de Pilates precisa treinar Pilates!

Independente da nossa formação acadêmica, somos profissionais de Pilates, buscando aplicar e desenvolver essa técnica de movimento em nossos alunos/clientes.

Se pensarmos em uma turma que já se move bem, mas que também tem habilidades heterogêneas poderia ser um desafio montar uma aula circuitada (quando todos os alunos passam por todos ou quase todos os exercícios planejados) e ainda sim cumprir com todos os objetivos propostos.

Uma boa dica é aproveitar o mesmo equipamento para desenvolver exercícios que possuem uma biomecânica parecida ou que partem da mesma posição (posição inicial do corpo), para os alunos mais treinados da turma.

Enquanto os alunos mais iniciantes levam mais tempo para executar um exercício (parte do processo), os mais treinados podem aproveitar dos “combos” de exercícios na mesma aula.
Confere nos vídeos abaixo três possíveis exemplos de “combos” que podem deixar a aula mais dinâmica!

Depois é só aproveitar o vasto repertório de exercícios que temos do método e com bom senso usufruir da criatividade!

Quem aí gosta dos “combos” e treina ou usa em aula?

 

https://youtu.be/LuwmG0R2W6Y

 

Até a próxima!  

 

, , , , , , , , , ,
Post anterior
Progressões do Footwork no Reformer
Próximo post
Como uma formação pode alavancar o seu studio de Pilates

Mais Posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu

Pin It on Pinterest

Share This