Acessórios de Pilates segundos os seguidores de Romana Kryzanowska

O Método Pilates, diferentemente da Dança, da Yoga, das Artes Marciais dentre outras técnicas tem apenas um criador, graças a isso podemos dizer que o Método é único e as pessoas que divulgam e trabalham com essa técnica honram a integridade da proposta original desenvolvida por Joseph Pilates.

Romana Kryzanowska, foi uma das alunas de Joseph Pilates, a qual por anos transmitiu os ensinamentos recebidos diretamente por seu mestre.

Ela era uma jovem bailarina da School of American Ballet e tinha lesionado seu tornozelo não podendo mais dançar. Na época (1941) não havia a fisioterapia ou a medicina esportiva e a única alternativa eram as cirurgias, assim mesmo muito pouco desenvolvidas para estes casos.

Romana, foi levada até Joseph Pilates por George Balanchine e passou a fazer aulas de Pilates. Já na sua primeira sessão, estranhou o fato de que para apenas uma lesão de tornozelo tivesse que exercitar todo o corpo, com exercícios não específicos para a área lesionada.

Após a sua terceira sessão, notou que já não havia inchaço e que não mais sentia dor. Assim, compreendeu o primeiro princípio deste trabalho: “circulação cura”.

Quando retornou às aulas de ballet notou que tinha mais força, equilíbrio corporal e domínio de seus movimentos, além de estar totalmente recuperada. Tornou-se aluna de Pilates e, posteriormente, professora em 1942, sob sua supervisão e então em 1973 passou a ter direito a 50% da renda do estúdio de Nova York (PANELLI e De MARCO, 2016).

Segundo Kryzanowska (2001):
Eu percebi que algo estava diferente, uma sensação agradável de equilíbrio e de força integrados, que eu nunca tive antes de trabalhar com Joe. Senti que tinha um completo controle de cada parte do corpo. Minha perna estava perfeita e meu trabalho estava melhor do que nunca. Desde aquele momento, passei a acreditar em Pilates.

Paul Mejía, um dos filhos de Romana Kryzanowska, teve poliomielite na infância, a qual superou sem apresentar seqüelas. Romana Kryzanowska afirmou que os exercícios do Método contribuíram muito para a recuperação do seu filho, considerando que Joseph Pilates criou alguns especialmente para ele (PANELLI e De MARCO, 2016).

Sari Mejia Santo, também filha de Romana Kryzanowska, foi introduzida no Método aos oito anos de idade, quando teve complicações de uma enfermidade que a levou a uma cirurgia no tendão do pé, incapacitando-a de andar por seis meses. Os músculos do pé e da perna ficaram muito atrofiados e seu prognóstico foi de que não dançaria mais. Segundo Kryzanowska, conseguiu recuperar-se e dançar profissionalmente e, da mesma forma como ocorreu com Paul Mejía, foram feitas associações entre sua cura e a ajuda de exercícios de solo ensinados por Pilates (PANELLI e De MARCO, 2016).

Há várias outras histórias de outras curas que me foram contadas diretamente por Romana como também por outros professores que passaram muito tempo ao seu lado. Entretanto não há comprovações científicas de que apenas com seus exercícios Joseph Pilates tenha conseguido os resultados positivos.

Sari Mejia, representa a segunda geração de instrutores a continuar a tradição do ensino do Método em sua forma original conforme ensinado por sua mãe e atualmente denominamos seguidores de Romana Kryzanowska aqueles que seguem os ensinamentos transmitidos diretamente ou indiretamente por ela. Assim como também há outras denominações associadas aos outros professores que tiveram aulas e foram treinados diretamente por Joseph e Clara Pilates considerados a primeira geração de instrutores.

O Método Pilates é um sistema alternativo de movimentos utilizado na reabilitação, pós-reabilitação e no condicionamento, significa que podemos utilizar seus princípios e benefícios desde o leito hospitalar até com atletas, bailarinos profissionais e etc…

Serve de complemento à qualquer outra atividade física, por exemplo é muito utilizado como preparação física de bailarinos e atletas de elite. Hoje já há muitos exemplos e algumas comprovações científicas. Publiquei minha dissertação de mestrado em 2004 provando cientificamente os resultados do método na preparação física de atletas na prevenção do surgimento de lesões.

Os denominados acessórios clássicos do Método Pilates são conhecidos como pequenos aparatos que auxiliam na aplicação da Técnica, ora desafiando ora facilitando a execução. Alguns são utilizados como Pré-Pilates, ou seja exercícios preparatórios quando não é possível ensinar o exercício como em sua forma original, para pessoas com necessidades especiais. A intenção é apresenta-los ou redescobri-los. São eles:

  • FOOT CORRECTOR
  • TOE CORRECTOR
  • MAGIC CIRCLE
  • NECK STRETCHER
  • TOWEL, PENCIL
  • TWO BY FOUR
  • SAND BAG OU BEAN BAG
  • MAGIC SQUARE OU NECK STRETCHER
  • AIRPLANE BOARD
  • PUSH UP DEVICE
  • BREATH A CIZER OU PINWHEEL
  • WEIGHTS
  • TENS-O- METER

A proposta é estimular as necessidades especiais e individuais com ênfase em estimular sempre todo o corpo, pois somente assim é possível obter um resultado favorável baseado na proposta de unidade corporal desenvolvida por Joseph Pilates.

Estarei citando com relevância o FOOT CORRECTOR, por ter sido o primeiro a ser construído. Pois Joseph Pilates estava sempre muito preocupado com os pés dos clientes, já que os pés representam a nossa “base”. Em seu livro escreveu sobre a importância de manter essa estrutura muito forte e flexível para que se pudesse ter um corpo alinhado corretamente e consequentemente saudável. Falou sobre a importância de andarmos descalços e em terrenos irregulares para evitar as atrofias e irregularidades que nos acometem devido ao uso excessivo de calçados.

Em nossos estudos sabemos que os pés sustentam o peso de nosso corpo e atualmente há um índice elevado de lesões nos pés como tendinites, entorses, fasceítes, hálux valgo dentre outras.

Esses acessórios são infinitamente importantes para o nosso trabalho diário, oferecem sempre opções para casos diversos nas mais variadas patologias. A preocupação de criar algo para que todos os casos pudessem ser atendidos fez de Joseph Pilates um grande mestre, criando esses acessórios interessantes e cuja função tem a capacidade de superar qualquer expectativa.

O Método Pilates traz o equilíbrio entre os fatores força e flexibilidade promovendo melhor harmonia entre as cadeias musculares. Fornecendo comprimento a musculatura “encurtada” e fortalecimento aos músculos enfraquecidos e harmonizando o corpo todo.

E através da maravilhosa combinação de princípios da calma, concentração, relaxamento e flexibilidade, ao mesmo tempo em que interage com a força, o desenvolvimento do tônus muscular e o movimento.

A conclusão que me permito chegar é que Joseph Pilates, amante da beleza, das lutas e das artes gregas, possa ter se inspirado na mitologia deste povo, onde os contrários, os opostos se unem para que haja o equilíbrio. A conjunção de forças opostas nos da o significado de nossa existência! Portanto permito escrever que sua obra é completa e universal.

, , , , , , , ,
Post anterior
Exercício para pós-parto em fase intermediária
Próximo post
Quando é que o Pilates começa respirar em terras brasileiras?

Mais Posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu

Pin It on Pinterest

Share This