eventos ou cursos de pilates

Eventos ou Cursos de Pilates: Em qual devo investir?

Mesmo sem um dado registrado da quantidade de estúdios de Pilates no Brasil em 2019, sabe-se que sua ascensão é notória e preocupante. No inicio deste ano, tivemos 212% a mais de pesquisas sobre o método (inclusive, seu estúdio/sua marca está online?). Cada vez mais temos pessoas buscando sobre o Pilates e profissionais trabalhando com o método e há o questionamento: Como me manter atualizado? Como conseguir o diferencial? Outros cursos (educação continuada) é a melhor opção? Opto por participar de eventos de Pilates? Foco no estúdio e no ensino?

Vamos agora pensar juntos em como nos manter atualizados no ambiente Pilates e quais as ponderações devemos ter ao escolher entre cursos, eventos ou/e workshops… Já vamos avisando que essa escolha dependerá de você e do seu momento. Entendemos que todas as opções que venham agregar no seu desenvolvimento profissional são vantajosas.

Investimento disponível $$

O primeiro ponto a pensar équanto eu tenho para investir agora? e é muito importante comparar o custo x benefício. Geralmente, eventos maiores que levam palestrantes internacionais ou profissionais com bastante bagagem tem um valor mais elevado, são compilados de aulas e workshops. Mas, mesmo assim tendem a ser mais baratos que cursos, que dependem de mais horas, mais tempo e mais aprofundamento.

Antes de tomar a decisão pesquise sobre a instituição organizadora: é realmente séria? Há depoimentos de outros instrutores?
E caso optem por eventos, não se esqueça de investigar se serão palestras, aulas, workshops, simpósios… e afins. É importante definir se você quer praticar movimento, assistir/ouvir sobre os temas ou fazer os dois.

Qual seu objetivo?

Sabe-se que num evento os momentos de aprendizados são mais curtos que em cursos. Na segunda opção, conseguimos aprofundar sobre um especifico tema. Já num evento, conseguimos ter pequenas experiências em diversos nichos.

Se o seu objetivo é aprofundamento a opção tende a ser cursos… Se o seu objetivo é experimentar novos segmentos, opte por eventos. Se você já sabe o que quer e não possui investimento disponível para um curso, talvez workshop seja uma boa opção. Então, na escolha entre eventos ou cursos de Pilates opte pela opção que está dentro do seu objetivo.

Experimentando novas técnicas

Um dos diferenciais de participar de eventos é conseguir experimentar vários métodos de movimento ou vários nichos de aprendizagem. Por exemplo, se você já tem um estúdio de Pilates, ir para um evento é uma ótima oportunidade para conhecer outros aparelhos que possam agregar valor ao seu estúdio. A partir daí, investir em cursos ou workshop – do aparelho – para um melhor aproveitamento.

É bom dar uma chance aquele aparelho/aula que você não tem tanto contato ou nunca (pouco) ouviu falar… Pode ser um outro universo super estimulante e diferente, que pode vir a somar à sua técnica de movimento.

Networking

Nas duas opções conseguimos ampliar nossa rede de contato. Em cursos, geralmente, iremos ter contato com profissionais do mesmo segmento: Instrutores de Pilates ou profissionais que desejam obter o certificado de instrutor. Já em eventos, iremos ter o contato com um público mais diverso: empresários, estudantes, instrutores de movimento e mais… Ambos podem ser boas oportunidades! Então, não deixe de aproveitar esse netoworking! Tenha uma boa rede de contatos profissionais.

Eventos ou Cursos de Pilates?

Antes de tomar uma decisão pesquise! Essa é a chave para um bom investimento. Eventos ou cursos são importantes em qualquer área profissional… Por fim, deixo com vocês as palavras de Ana Sansara, diretora do Harmonia Pilates, Instrutora de Pilates que faz parte do Treinamento de Mentores Physio Pilates/Polestar:

“Hoje ouvi de uma cliente antiga que me procurou para retomar seu tratamento de coluna: “Ah! É que você viaja tanto! Mas porque você vai viajar de novo?! Não precisa! Você já sabe o suficiente”. Será?
Tenho plena confiança em tudo o que aprendi ao longo destes 10 anos de formada atuando como fisioterapeuta e instrutora de pilates, tenho diversas ferramentas que me ajudam a solucionar os casos mais diversos, mas tudo o que sei hoje foi uma construção.
A busca pelo aprimoramento é o que me move. Quando apenas atendo meus clientes e perco o contato com outros profissionais mais experientes, sinto que falta algo na minha prática profissional.
Estar em contato com profissionais que atuam há mais tempo neste meio e possuem vasta experiência em outros métodos me ajuda a ser uma profissional melhor.
Conhecimento é conquistado, não nasce pronto. Quem acha que pegou o diploma e acabou por aí não entende nada sobre educação. Como disse Derek Bok, ex-reitor da universidade Harvard: “Se você acredita que o treinamento é caro, experimente a ignorância”.

, , , ,
Post anterior
O Método de Exercício Pilates: Eficácia no Tratamento da Dor Lombar Crônica e Limitações de Intervenção
Próximo post
Pilates e depressão, será que essa combinação está certa?

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu