Saiba tudo sobre importância da atividade física na pandemia

Conheça a importância da atividade física na pandemia

Há um ano nos deparamos com uma situação muito atípica e assustadora: a pandemia do Coronavírus instalada em todo o mundo. Isolamento social, studios de Pilates e academias fechados, uma série de situações nunca antes vividas tornaram-se realidade em um piscar de olhos. Nessa situação, que ainda parece distante de acabar, é fundamental lembrar a importância da atividade física na pandemia

Com a disseminação do vírus e o aumento do registro de mortes por Covid-19, muitas medidas de segurança foram determinadas pelos órgãos de saúde. Dentre elas, o isolamento social e a necessidade de ficar em casa, evitar sair e não aglomerar. Essas normas criaram uma rotina muito propícia ao sedentarismo. Ou seja, aumentou o tempo que as pessoas passaram a ficar em casa e reduziu também a quantidade de atividades diárias

Aliado a isso, para algumas pessoas, veio o home office. O problema é que muitas pessoas sequer tiveram condições de estruturar um espaço em casa adequado para a prática laboral do home office. A adaptação de um lugar de trabalho  sem móveis ergonômicos, também trouxe muitas consequências à rotina de vida diária. 

Fato é que, passado um ano da pandemia, muitas pessoas têm sentido o efeito da redução do movimento no dia a dia, da diminuição ou ausência da prática de atividade física e, inclusive, do uso de móveis inapropriados ao trabalho. Por essas e outras razões, surge a importância da atividade física durante a pandemia.

Saiba o porquê da importância da atividade física na pandemia

Saiba a importância da atividade física na pandemia

A pática de atividade física em qualquer circunstância da vida é sempre benéfica. São muitos os ganhos positivos, tanto em saúde quanto em termos de qualidade de vida e bem-estar. Por sua vez, o sedentarismo é responsável por uma série de problemas de saúde, como a obesidade, cardiopatias, diabetes, AVC etc. 

O Brasil é um país com índice de sedentarismo bastante alto. Segundo dados estatísticos do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em torno de 40% da população brasileira adulta é insuficientemente ativa. Ou seja, são muitas pessoas propensas a problemas de saúde graves e, inclusive, muitos deles possuem alto risco de morte precoce. 

Além dos benefícios físicos, a atividade física combate as consequências mentais da quarentena. O isolamento social, o distanciamento de familiares e amigos, tudo isso pode causar danos psicológicos e doenças sérias, como ansiedade e depressão. Portanto, a atividade física é um excelente antídoto para esses tipos de problemas. 

Como praticar atividade física durante a pandemia

Existem diversas formas de manter a rotina de atividades físicas durante a pandemia. Nas regiões onde as academias e studios de Pilates já estão abertos, é só se matricular. Sempre é o momento ideal de começar, não importa o quanto tempo você ficou inativo. 

Se na sua região, ainda não está sendo possível fazer atividades presenciais, ou se você ainda não se sente seguro para este recomeço, também não faltam possibilidades. O avanço tecnológico proporcionou uma variedade imensa de recursos e ferramentas que estão disponíveis no mercado, a fim de facilitar a vida das pessoas. 

Se você possui recursos financeiros, pode optar por contratar um profissional para fazer aulas online. Com a pandemia, os profissionais precisaram se reinventar e passaram a oferecer serviços à distância. Então essa é uma alternativa viável. 

Se o orçamento está limitado, mas você possui um celular ou computador, que tal utilizar os aplicativos de treinos? Existem muitos que são bons e gratuitos e ainda oferecem treinos para todos os níveis. Assim, é só acessar o Play Store (aparelhos Android) ou a App Store (Iphone).

Também há a opção de seguir perfis no Instagram que estão fazendo treinos online ou procurar treinos no Youtube

Pilates: a melhor opção para a pandemia

Tudo sobre importância da atividade física na pandemia

Dentre todas as opções disponíveis de atividades físicas, o Pilates é uma das mais completas, porque oferece benefícios variados, é indicado para objetivos diferentes e possui um amplo público-alvo.  O Pilates trabalha a parte física e a mental. Assim, promove ganhos significativos no desempenho físico, artístico e no processo de reabilitação. 

Além disso, o Pilates pode ser praticado em qualquer lugar, ainda que você tenha um espaço reduzido em casa. A modalidade chamada Pilates Mat utiliza apenas o peso do próprio corpo, sem a necessidade de qualquer aparelho ou acessório. 

Se você for colocar na ponta da caneta os benefícios que o Pilates é capaz de proporcionar nessa pandemia, a decisão por sua prática será imediata. Porque o Pilates corrige postura, reduzindo as frequentes dores nas costas do excesso de tempo em casa, sentado ou deitado. 

Ademais, o Pilates vai manter em dia, a flexibilidade de seu corpo e a mobilidade articular. Vai melhorar o condicionamento físico, aumentar a força muscular, fortalecer o abdômen e treinar a respiração, o que é fundamental para combater o estresse e a ansiedade.

Ainda tem mais, o Pilates desenvolve consciência corporal, melhora o controle dos movimentos e a coordenação motora. Assim, realizar as tarefas do dia a dia ficarão muito mais simples e menos dolorosas. 

Por fim, o Pilates pode ser praticado por todos da família, das crianças aos idosos, inclusive pelas gestantes. Você poderá mobilizar os integrantes do núcleo familiar que moram com você a treinar em uma mesma aula, tornando a prática ainda mais prazerosa.

, , ,
Post anterior
Como sentar corretamente? Veja a dica de Ana Rosa Broca
Próximo post
Como montar aula experimental de Pilates perfeita

Mais Posts:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu

Pin It on Pinterest

Share This